Kihon e seus Fundamentos no Karatê

Kihon significa “Fonte” ou “Fundação”, e faz parte do sustento ao desenvolvimento do karatê de forma constante. Kihon no Karatê Shotokan refere-se normalmente às técnicas básicas, consideradas princípios fundamentais para todo o praticante de Karatê.

Geralmente o conteúdo das técnicas envolvidas nos treinos de kihon é repetida diversas vezes pelo praticante, permitindo o karateca desenvolver e melhorar a velocidade e potência dos movimentos, junto com movimentos de pés e postura, não esquecendo do controle da respiração.

Os movimentos que são treinados nos kihons são técnicas de ataque e defesa, que podem ser aplicados em movimento (andando) ou parado, e tem o objetivo de aperfeiçoá-los e torná-los naturais. A prática do kihon é fundamental para o desenvolvimento do karateca, e deve ser praticado com o seguinte entendimento:

Kihon karatê
1.      Velocidade e Força – A velocidade se acumula com a força.

2.      Forma – A estabilidade e o equilíbrio são essenciais  para as técnicas básicas.

3.   Utilização dos quadris – O movimento dos quadris tem um papel indispensável na execução das várias técnicas de Karatê. A rotação dos quadris dá força para os movimentos e gera potência nos golpes.

4.     Ritmo e coordenação – Alcançar aspecto de ritmo e de tempo é uma maneira excepcional de prosperar na arte do karatê.

5.      Respiração – O praticante deve associar perfeitamente sua respiração com a execução dos movimentos.

O kihon está presente nos exames de faixas, ou seja, para cada nível de faixa há um tipo diferente de kata, kihon e kumitê.

A Prática do Kihon visa os fundamentos técnicos, que antigamente eram transmitidos por intermédio dos Kata. É através do Kihon que o praticante desenvolve o seu potencial para o Karatê, assim como o Espírito do Karatê.

“Nós somos o que fazemos repetidamente. Excelência, portanto, não é um ato, mas um hábito”. Aristóteles

OSS!

Gostou, Compartilhe!

    Comments

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *