Gichin Funakoshi – Karatê Shotokan 1ª Parte

Nasceu no dia 10 de novembro de 1868 em Shuri, Okinawa, o fundador do Karatê Shotokan, o Grande Mestre Gichin Funakoshi. Filho único, foi educado pelos avós maternos, onde aprendeu poesia clássica chinesa. Aos 11 anos de idade, começou a treinar com o Mestre Asato e com o Mestre Itosu. Nominado o “Pai do Karatê Moderno”, Funakoshi trabalhou incansavelmente a fim de desenvolver a sua arte em solo japonês.

Em 1921 Funakoshi liderou uma demonstração de karatê em Tóquio, numa exposição de educação física promovida pelo governo japonês. A demonstração foi um grande sucesso.

Karatê Shotokan

04 - Gichin Funakoshi - Karatê Shotokan 1ª Parte

Funakoshi pretendia voltar logo para Okinawa depois do evento, mas recebeu outro convite e desta vez foi do fundador do judô moderno Jigoro Kano, para uma demonstração no Dojô Kodokan. Então ficou mais alguns dias.

Passado algum tempo depois, preparando para retornar novamente a Okinawa, recebeu a visita do pintor Hoan Kosugi, pedindo-lhe que ensinasse o Karatê. pois já tinha visto uma demonstração em Okinawa. Outra vez a volta para casa foi adiada.

O Mestre Gichin Funakoshi resolveu ficar em Tóquio, pois só assim o Karatê teria chance de se propagar por todo o Japão e teria assim cumprido a sua missão. Funakoshi foi ajudado por Jigoro Kano que tornou-se seu amigo íntimo, pois sem a sua ajuda talvez não seria possível a introdução do Karatê no Japão.

Foi fundado um Dojô de Karatê num dormitório para estudantes oriundos de Okinawa. Trabalhou como zelador, jardineiro e faxineiro para poder se manter enquanto ensinava Karatê a noite.

E em 1922 foi publicado seu primeiro livro “Ryukyu Kempo Karatê”, o livro apesar de muito bem escrito ganhou grande popularidade.

Leia Também: Gichin Funakoshi – Karatê Shotokan 2ª Parte

Gostou, Compartilhe!

    Comments

      1. Pedro Marculino disse:

        Muito bom! Deus abençoe sempre essas sumidades, que sempre procuram se aperfeiçoar, no conhecimento e repassarem estes para os aficionados dessa nobre arte marcial.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *